Super runners: Aprenda a usar suplementos para corrida

Nutricionista fala sobre benefícios, cuidados e funções da suplementação

Publicado em 01/08/2018
silhueta de uma mulher correndo contra o sol

Praticar corrida diariamente traz muitos benefícios para a saúde das pessoas. No entanto, como em todos os esportes, a atividade exige cuidados e preparos que vão além da escolha de uma roupa confortável, um tênis funcional e alimentação equilibrada.

A suplementação também é um recurso poderoso para evitar fadiga e a diminuição muscular, por exemplo. No entanto, apesar dos benefícios, é importante passar por avaliações médicas com frequência para combinar esses produtos com necessidades nutricionais, rotina alimentar, tipo de treino e objetivos.

Confira algumas dicas de suplementos populares avaliados pela nutricionista Carolina Novaes da Vitafor em entrevista ao site Ativo:

BCAA em cápsulas - pós-treino

homem se preparando para correr

Os aminoácidos de cadeia ramificada (popularmente conhecidos como BCAA) são voltados especialmente para a síntese proteica muscular e a recuperação dos músculos no pós-treino. 

Taurina -  pré-treino

Suplemento que contém L-taurina, um aminoácido isolado envolvido em diversas áreas do metabolismo. É recomendado para potencializar a função anti-inflamatória e aumentar o fluxo de oxigenação do tecido cardíaco. Também contribui para a quebra de gordura, favorece a saúde cardiovascular e reduz a dor muscular. Sem contar que ainda turbina as funções cognitivas, aumentando o foco e a atenção. 

Termogênico -  pré-treino

mulher alongando

O produto apresenta 100 mg de cafeína natural por porção em sua composição, e por isso oferece maior energia para o corredor. No entanto, atenção, o produto pode acelerar os batimentos do coração e não é recomendado para pessoas sensíveis a essas alterações. O termogênico também auxilia a redução de gordura. 

Gel de carboidrato - durante o treino

Responsável por repor a energia em corridas de longa distância de forma rápida. É perceptível a sua eficácia minutos após o consumo. O ideal é ingeri-lo após 40 minutos de atividade, em média.  

Foto: Reprodução/Pixabay