Brasil supera número de medalhas conquistadas em Londres

Paralimpíadas do Rio ainda estão atrás de Pequim, mas a delegação brasileira precisa de mais quatro pódios para ultrapassá-

Publicado em 14/09/2016

A delegação brasileira das Paralimpíadas chegou a um número recorde nesta quarta-feira (14), afinal, a medalha de bronze conquistada por Verônica Hipólito foi a 44ª do país, ultrapassando as 43 de Londres. Agora falta pouco para chegar nas 47 conseguidas em Pequim-2008, atual recorde brasileiro no evento. São mais quatro dias para superar a marca, mesmo que o número de ouros ainda seja bem inferior.

No momento o Brasil possui 10 ouros, 21 pratas e 13 bronzes, mas se compararmos com as Paralimpíadas britânicas, nossos atletas ainda estariam bem atrás no quadro de medalhas, afinal, foram 21 medalhas douradas na Europa. Mesmo assim, Daniel Dias e cia ocupam a quinta posição no quadro, atrás de potências como China, Grã-Bretanha, Ucrânia e EUA, se beneficiando da ausência da Rússia e do menor desempenho da Austrália.

Dentre os grandes vencedores na atual edição, destacamos justamente o nadador campineiro, que já tem cinco medalhas no pescoço - dois ouros, duas pratas e um bronze. Dias se consagra cada vez mais como o maior atleta paralímpico da história local. Um dado interessante é que, dos 44 pódios, 28 vieram do atletismo e da natação.

Foto: Divulgação/Daniel Zappe/CPB